Hipnose Ericksoniana

Descubra o poder da Hipnose Terapêutica!

HIPNOSE ERICKSONIANA

A Hipnose Ericksoniana, assim denominada por ter sido criada pelo Dr. Milton Erickson, fundador da American Society of Clinical Hypnosis, surgiu como modernização da hipnose clássica. Trata-se de um estado alterado de consciência e percepção, de profundo relaxamento, no qual o consciente e o inconsciente podem ser focalizados por ficarem mais receptivos à sugestão terapêutica. O trabalho hipnótico facilita a descoberta de novas opções na vida e a quebra de padrões de sentimentos e comportamento indesejáveis

Quando se usa a hipnose para tratar um problema físico ou psicológico, chamamos o processo de hipnose clínica ou de hipnoterapia. 

Quase todo mundo já experimentou alguma forma de hipnose em algum momento da sua vida. Pense numa vez em que você dirigia em uma estrada e se pegou, por um breve momento, inconsciente daquilo que estava fazendo, ou uma vez em que estava tão envolvido em um programa de televisão que nem se deu conta quando alguém entrou na sala. Na verdade, toda hipnose é auto-hipnose e o paciente está sempre no controle.

A Hipnose é um processo de comunicação e influência interpessoal. O hipnoterapeuta é o componente específico que permite que a experiência subjetiva do cliente seja alterada para que a influência terapêutica aconteça. Abordando a Hipnose do ponto de vista interacional, a ênfase é colocada em ser um bom comunicador. O que significa ser capaz de reconhecer os estilos de pensamento do outro e ter a competência de organizar a sua comunicação para maximizar as chances de ser compreendido de tal maneira que ela seja benéfica ao outro.

A comunicação terapêutica influencia a pessoa que está sofrendo a se sentir melhor e se comportar de maneira adequada e positiva.

 

Veja também: PNLCoachingNeuro-SemânticaEscola de Palestrantes

Voltar para inaprj.com.br

Cursos

JAN11
Hipnose Ericksoniana e Metáforas - Intensivo
Centro Marista São José das Paineiras